Saúde Mental & Livensa Living

by | May 15, 2023 | Community Life, Residência de Estudantes

Saúde Mental quando se vive fora de casa por primeira vez

Estás em plenos exames, mas já tens claro que vais ter de ir estudar fora da tua cidade. Para muitos, isto causa entusiasmo e querem sair da sua zona de conforto e da proteção (muitas vezes sobre proteção) dos seus pais, conhecer gente nova e viver experiências.

Mas para outros, esta situação de primeiras, produz certa angústia, o qual é perfeitamente normal. Ou até uma mistura entre ambas coisas segundo o momento. Assim como devemos manter uma boa saúde física, também devemos cuidar da nossa saúde mental, um termo que pode soar pouco sério, mas que pouco a pouco se está a normalizar, sobre tudo depois do momento da pandemia que tivemos de viver todos.

Tips para evitar pensamentos intrusivos

Os especialistas dizem que para evitar esta angústia ou nostalgia da que falamos, devemos aplicar certos truques:

  • Mantém-te ocupado. Participar em atividades da universidade ajuda a esquecer dos sentimentos de nostalgia e fazer novos amigos.
  • Estabelece uma rotina pessoal diária. Mantém uma estrutura no teu dia a dia ajuda-te a adaptar ao teu novo ambiente e a manter um equilíbrio emocional.
  • Faz coisas que te façam sentir perto de casa, como escrever uma carta ou ver uma foto familiar.
  • Fala com alguém. Procura pessoas que entendam pelo que estás a passar ou se sintam da mesma forma. O apoio social é super importante para a nossa saúde mental
  • Faz exercício e dorme bem: O exercício regular e um bom descanso são essenciais para manter uma boa saúde mental e física.
  • Pede ajuda: Se te enfrentas a desafios emocionais, não duvides em procurar apoio de profissionais da saúde. Não é nada pelo que te tenhas de envergonhar, mas se tens receio, tem em conta que ninguém tem de saber…
  • Participa em atividades extracurriculares: Inscreve-te em clubes, desportos e eventos sociais para enriquecer a tua experiência universitária e expandir a tua rede de apoio.
  • Pratica a atenção plena e a auto compaixão: Aprende técnicas mindfulness e desenvolve a habilidade de te tratar com compreensão e paciência perante as dificuldades.
  • E lembra-te… O tempo voa. Pensa que o tempo de qualidade na realidade é curto, e assim irá passar mais rápido.

São bons conselhos que podem resultar um pouco óbvios, mas tens de te auto-recordar de vez em quando, e mesmo que te custe um pouco, deves tentar forçá-los um pouco.

De entrada, tudo isto é fácil se sabes onde vais viver. As residências de estudantes como a Livensa Living levam muito a sério como te sentes, não só quando chegas, mas ao longo do ano académico. Os acompanhamentos, nos teus primeiros passos na idade adulta, são muito importantes, e o melhor é passá-los num ambiente onde te sintas confortável e sobre tudo, acompanhado

Nota que desde que irão chegar à residência muitas pessoas na tua mesma situação… de diferentes regiões e inclusive de outros países. Desde o primeiro momento, uma vez que visitaste super espaços como o cinema, o ginásio, a sala de yoga, a de jogos, as salas comuns com cozinha que podes reservar para alguma festa, etc. e assentaste-te no teu quarto, na Livensa Living promovemos uma série de encontros e eventos aos quais chamamos de ice-breakers, para poderes conhecer os teus novos companheiros e também o staff, formado por profissionais jovens, mas que estão muito bem preparados para te ajudar e te acompanhar em tudo o que necessitares. 

Psicólogos da Open Up

Além, de poder falar com um staff da própria residência, a Livensa conta com um serviço de apoio emocional (Open Up), totalmente anónimo (e gratuito para ti, já agora), graças ao qual podes ter sessões privadas online com psicólogos (em mais de 20 idiomas!) a quem podes dizer o que te preocupa. Ah! E se não gostas do psicólogo que te foi designado numa primeira instância, podes trocá-lo! Também oferecem uma série de serviços como programas de autoajuda e sessões grupais que abordam temas relevantes como o teu bem-estar emocional, a gestão do stress, a adaptação a novos ambientes e a construção de relações interpessoais saudáveis.

Esta iniciativa está fixa no nosso quadro de atividades e programas que a equipa da Community Life desenvolve para todas e cada uma das residências da Livensa Living. Engloba desde ações e eventos para que possas socializar como tours e atividades para conheceres a tua cidade e ambiente; até questões com tanta variedade como atividades desportivas de todo tipo, incluindo aulas de alto impacto ou competições d futebol, voleibol, basketball etc. na própria residência entre residências, aulas de yoga, pilates e meditação; aulas de cozinha saudável entre muitas outras coisas.

Voltando ao momento exames do qual falávamos no início, graças à Livensa Cares, todos os residentes recebem mimos e detalhes especiais nesta época, para que assim seja um momento mais fácil. Se por algum motivo es dessas pessoas que se stressa especialmente nestas datas, recomendamos-te ler este artigo do blog.

E os teus país?

Os especialistas também oferecem conselhos aos país e mães, que é a outra cara da moeda da separação temporária, e que claro, isto irá ajudar. Recomendamos coisas como:

  • Evitar expressar ansiedade. Em vez de dizer ao filho quantas saudades têm as suas, expressem otimismo por todas estas novas experiências.
  • Escrever em vez de fazer uma chamada. O contacto telefónico puxa os sentimentos de tristeza, mas escrever faz refletir.
  • Motivem os seus filhos a encontrar amigos. Ajuda na transição.
  • Não ceder. Ir ver do filho porque está nostálgico impedirá familiarizar-se com este novo lugar.

É importante que os pais saibam que a equipa da residência está formado para fazer frente às chamadas SACP, que são Situações de Alta Complexidade Psicológica. Aprendem primeiro a reconhecê-las, para em segundo lugar imediatamente saber o que fazer, e em terceiro, saber como atuar segundo a gravidade. Para isso, as formações que todos recebem trabalha-se muito na inteligência interpessoal e na comunicação mediante role-plays, para praticar no momento habilidades tão necessárias como a escuta empática e o feedback.

Aprendem a detetar os sintomas como insónia prolongada, a falta ou excesso de apetite prolongado, ansiedade importante, reclusão social, sentimentos intensos e prolongados, tristeza, etc.

Quando se observam sinais de alarme há que ser precavidos, já que há temas de privacidade do residente que há que respeitar. Mostrar uma disposição emocional adequada é a melhor maneira de incentivar pessoas com dificuldades psicológicas possam aproximar-se e partilhar como se sentem com o staff da Livensa.

Recebem formação para saber como atua e a quem acudir no seu caso, perante ataques de ansiedade, ataques de pânico, pessoas em risco suicida, ou suspeita de abuso sexual, entre muitas outras. 

Comparte este post en Redes Sociales:

Entradas Relacionadas

Livensers destacados

Livensers destacados

Os livensers destacados contam-nos a sua história Na nossa nova seção de Livensers Destaques, queremos apresentar-vos vários residentes da Livensa Living, tanto em Espanha como em Portugal, que acreditamos que podem servir de inspiração. Estes são os companheiros e...

Vais estudar em Madrid?

Vais estudar em Madrid?

Livensa Living Madrid Aravaca é a tua residência (super renovada) Já passou o mais difícil... o Ensino Secundário, a EVAU e as festas que celebraste para comemorar. Agora só faltam uns dias para conheceres a tua nota e, em breve, as notas de corte das universidades....

COMIENZA TU EXPERIENCIA UNIVERSITARIA

COMIENZAS TU AVENTURA LIVENSER